terça-feira, 7 de março de 2017

Adiar a vida porque a infertilidade me faz companhia

 
A infertilidade tem me obrigado a adiar várias coisas nestes dois anos e meio.

Eu adoro viajar -  eu poupo para viajar (entre outras coisas mas a principal é para poder viajar). Inicio do ano, olho para o calendário e penso em marcar uma viagem, depois lembro-me que estou a tentar engravidar e não é boa ideia.  Três semanas de férias em Agosto, podia fazer uma viagem grande e depois lembro-me que estou a tentar engravidar e não é boa ideia. E não é boa ideia porque? Porque não é aconselhável ir para países com doenças manhosas, porque na altura (se estiver grávida) posso ter que estar em repouso absoluto, porque na altura pode não ser aconselhável andar de avião, porque nesses países é preciso ter cuidado com a alimentação.

Quando fui escolher o vestido de noiva tive receio de o vestido não me servir no dia do casamento caso ficasse grávida, faltavam oito meses para o casamento. A lua-de-mel, uma das coisas mais desejadas de um casamento, esta completamente condicionada pela minha vontade de engravidar - devido às doenças em países tropicais, devido aos voos de longo curso. Assim sendo, as nossas escolhas foram todas posta de lado -  Europa aqui vamos nós.

Adiar coisas porque estou a tentar engravidar não me deixaria triste se conseguisse engravidar, adiar coisas quando a possibilidade de o conseguir é remota é que é desmotivante. Andar a tentar engravidar à dois anos e meio sem sucesso tem dias que é mesmo muito triste.

19 comentários:

Coquinhas disse...

Oh Maria :( bora lá arrebitar. Digo senpre o mesmo, mas acredito mesmo se coraçao que vais conseguir. Um xi coraçao gigante

Sofia disse...

Imagino a frustração... confesso que tenho muito medo de um dia vir a passar por isso... espero mesmo, do fundo do coração, que venhas a conseguir realizar todos os teus sonhos em breve!

Flor de Jasmim disse...

Há coisas na vida que nos rouba toda (ou quase) a concentração!

Força princesa, não percas as esperanças, tenta concentrar-te agora no teu casamento e desfrutar, vais ver que vais conseguir.

Um xi 💗 muito apertadinho de alguém que está também a sofrer, mas por ver alguém que ama a lutar para viver ☹

Beijinho

Cynthia disse...

Acredito que não seja uma luta fácil, mas espero sinceramente que saias vencedora!

м♥ disse...

Compreendo esses receios e penso que tens muita razão em preocupares-te com essas questões. Contudo, penso também que até seria uma forma de distração não pensar tanto nessas condicionantes e arriscar! Nunca se sabe. Além disso, sempre ouvi histórias de pessoas que tentam engravidar durante anos sem conseguir e é, precisamente, quando começam a viver a vida, a fazer as coisas que gostam, que deixam de pensar 100% do dia na mesma coisa, que conseguem.

Não tenho dúvidas de que esse bebé chegará! Força

Gorduchita disse...

É fácil dar conselhos estando de fora mas... se calhar está na hora de tentares fazer a tua vida deixando de pensar nisso, sem te condicionares.
Viver o presente como ele é e pronto.
Não é fácil, bem sei, passei por lá (embora não tanto tempo) mas... tenta! Quem sabe tens umas surpresas! :)

Anónimo disse...

Vou-te dar a minha opinião que é também o que tento fazer no meu caso. Também estamos a tentar engravidar, inclusive já estive grávida, mas sofri um aborto. Agora tento não pensar muito no futuro, penso um dia de cada vez. Tento mesmo não deixar de fazer planos mais para a frente porque posso estar grávida. Se por acaso depois ficar, paciência! Ficarei tão feliz que não me vou importar de ter de cancelar uma viagem ou outra coisa qualquer :) Pensa positivo! Se acontecer vai ser óptimo! Boa sorte e muitas felicidades!

Joana disse...

Só quem passa por ela é que sabe como é, mas parece realmente uma situação muito chata e desgastante. Desejo-te muito ânimo e coragem, há-de correr tudo bem!

Messy Jessy disse...

Nunca pensei nessa perspetiva. Mas váaa ânimo!

Tulipa Negra disse...

Não deve ser nada fácil mas experimenta a abordagem inversa. Faz tu o que queres fazer sem pensar na gravidez e talvez a ausência de stress ajude.

Catarina disse...

Querida gostava bastante de te enviar um email será que me podes enviar o teu email!!???
Beijinho enorme e muita força!

Maria CS disse...

Como te compreendo =( Tentar engravidar com infertilidade é um adiar constante por variadas razões. Já não sei há quanto tempo não vamos de férias, não pelas mesmas razões que tu, mas porque ele só tem 22 dias de férias e não chegam para tudo (ou me acompanhava aos tratamentos ou tirava férias).
Eu nem podia trabalhar porque não queria expor a minha infertilidade por viver numa vila. Só dava explicações que podia alterar justificando ir à minha cidade natal (e assim não ter de dizer mais nada).
E em cada tentativa falhada tudo isto nos vem à cabeça, tudo o que deixámos de viver e todo o dinheiro gasto, em vão =(
Mas vais ver que vais conseguir e depois tudo vai valer a pena!
Não percas a esperança! Um dia vais olhar para trás e sorrir por tudo o que conseguiste vencer! Tu vais ser mãe, não sabes quando mas vais conseguir!
Beijo enorme de toda a sorte do mundo.
Se precisares de alguma coisa sabes onde me 'encontrar'.

Maria CS disse...

Como te compreendo =( Tentar engravidar com infertilidade é um adiar constante por variadas razões. Já não sei há quanto tempo não vamos de férias, não pelas mesmas razões que tu, mas porque ele só tem 22 dias de férias e não chegam para tudo (ou me acompanhava aos tratamentos ou tirava férias).
Eu nem podia trabalhar porque não queria expor a minha infertilidade por viver numa vila. Só dava explicações que podia alterar justificando ir à minha cidade natal (e assim não ter de dizer mais nada).
E em cada tentativa falhada tudo isto nos vem à cabeça, tudo o que deixámos de viver e todo o dinheiro gasto, em vão =(
Mas vais ver que vais conseguir e depois tudo vai valer a pena!
Não percas a esperança! Um dia vais olhar para trás e sorrir por tudo o que conseguiste vencer! Tu vais ser mãe, não sabes quando mas vais conseguir!
Beijo enorme de toda a sorte do mundo.
Se precisares de alguma coisa sabes onde me 'encontrar'

marina maia disse...

Nunca parar de lutar e vais ver que um dia quando menos esperares, tens uma surpresa!
Beijinho

Jude disse...

Tinha saudades de passar pelo teu blogue, apesar de ir seguindo no Insta. Compreendo o que estás a sentir mas, se me é permitido um "conselho", não deixes de fazer planos ou de alterar planos. Os planos mudam-se se assim for necessário. Às vezes mudam mesmo sem depender de nós, portanto se por acaso tiveres de cancelar uma viagem por esse motivo tão bom, que seja. Vais sentir que vale a pena. :)

Filipa Rodrigues disse...

Olá,
Experimenta falar, fazer um workshop com a Patrícia Lemos do Círculo Perfeito.
Tenho ouvido maravilhas de histórias muito parecidas com a tua.
Beijinhos

S* disse...

Infelizmente é mesmo assim, a vida fica algo em suspenso... boa sorte!!

Love Adventure Happiness disse...

Estou no mesmo barco, apesar de ainda ir em 1 ano de tentativa natural e 3 com ajuda...
Calma e aproveita o que a vida te tem trazido... Sei que é fácil falar e fazer custa mais mas força!

Green disse...

O teu dia vai chegar, vais ver, não deixes de acreditar*